Prado surpreende e anuncia Railson para Administração
Como antecipado por O ECO, Júlio Gonçalves continua como diretor Financeiro da Prefeitura; Neusa Carone volta Educação
Prado surpreende e anuncia Railson para Administração
NOMES - Prado de Lima com a prefeita Bel Lorenzetti durante anúncio de diretores para quadros chave - Foto: Divulgação
O prefeito eleito Anderson Prado de Lima (Rede) anunciou ontem, após encontro com a prefeita Bel Lorenzetti (PSDB), os primeiros nomes do seu futuro governo. Conforme antecipou o jornal O ECO na edição de sábado, o atual diretor Financeiro, Júlio Gonçalves, vai continuar no cargo por mais quatro anos. Uma das surpresas foi a indicação do advogado Railson Rogrigues, que atualmente é assessor na Câmara Municipal, como diretor Administrativo. Além dele, Prado de Lima anunciou também Marcelo Ranzani para a Saúde, José Claudio Laurindo para o Planejamento e Neusa Carone, que já foi diretora duas vezes e volta a comandar a diretoria de Educação.
Depois de fazer uma breve apresentação dos nomes anunciados, Prado de Lima afirmou que vai continuar buscando a coalizão e a pluralidade na montagem do restante do governo. “Sobre os atuais nomes anunciados eu acho que nós reunimos competências diferentes, específicas para cada área. São profissionais gabaritados para os cargos para os quais foram convidados. Eu acredito em coalizão com pluralidade para a montagem do governo. Tanto nos nomes que estou anunciando hoje como também nos outros nomes que devem ser anunciados nos próximos dias”, declarou Prado de Lima.
Para o vereador e presidente da Câmara, a presença de Julio Gonçalves mostra que seu governo não quer pregar qualquer revanchismo político. “Depois da eleição nós não temos mais 18, 13, 51 ou 45. Nós temos uma cidade e, como disse, eu pretendo fazer um governo de coalizão, que não tenho dúvida, será o melhor para a população”, completa.
Prado de Lima disse ainda que em todos os nomes procurou ouvir pessoas de cada área para fazer a escolha. “Nós fizemos uma consulta intensiva para vários cargos. Por exemplo, a permanência do Julio Gonçalves nas finanças, nós ouvimos muitos servidores públicos que defendiam sua permanência. Na educação, nós conversamos com várias pessoas também sobre o nome da Neusa Carone. Na saúde, o nome do Marcelo Ranzani era quase uma unanimidade na cidade”, explicou o prefeito eleito.
ADMINISTRATIVO
O prefeito eleito deixou claro durante seu pronunciamento que não indicou Railson Rodrigues e José Claudio Laurindo apenas por serem próximos a ele. “Quando indicamos o Railson Rodrigues ou o Claudio Laurindo não é porque eles são do meu convívio pessoal, mas porque tem competências para os cargos. O Railson é advogado, tem pós-graduação em Administração pública e fez um grande trabalho na Câmara. Já o Claudio Laurindo, o próprio histórico profissional dele o gabarita para o cargo”, defendeu Prado de Lima.
‘VAI SER O MAIOR DESAFIO DA MINHA VIDA PROFISSIONAL’, DIZ RANZANI
O médico infectologista Marcelo Ranzani, que aceitou o convite do prefeito eleito Anderson Prado de Lima (Rede) para comandar a diretoria de Saúde, disse que este será o maior desafio da sua vida profissional. “Eu acredito sim que seja o maior desafio, porque não depende só da minha formação como médico. Depende de uma capacidade administrativa que eu fui desenvolvendo, eu tenho curso de gestão em saúde, mas que agora o serviço público é uma novidade. Tenho que ver o que já existe e encontrar maneiras de fazer melhor. Tudo para aplicar da melhor forma possível os recursos e melhorar o atendimento à população”, disse.
EDUCAÇÃO
Neusa Carone volta a comandar a diretoria de Educação após duas passagens pelo cargo. Ela ocupou o posto entre 1993 e 1996, durante o governo de Admilson Vanderley Bernardes, o Dingo, e de 2001 a 2004, na gestão do ex-prefeito José Antonio Marise. “Eu não esperava o convite, fiquei muito surpresa e por isso agradeço ao Prado pela confiança e espero corresponder a esta expectativa e fazer um bom trabalho”, declarou.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2019 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia