Publicidade
Publicidade
Publicidade
Polícia investiga 'propina' para passar em exame de trânsito
Examinador teria cobrado R$ 150 para aprovar vítima no teste; polícia apura se outras pessoas estão envolvidas
Polícia investiga 'propina' para passar em exame de trânsito
Polícia Civil investiga possível compra exame de trânsito em Lençóis
A Polícia Civil de Lençóis Paulista instaurou inquérito para apurar denúncia de pedido de 'propina' para ser aprovado em exame de trânsito para tirar a CNH. A vítima denunciou o caso ao coordenador do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e os dois foram à polícia relatar o caso. 
Segundo informações, a vítima teria pago R$ 150 para ser aprovado em exame de rua pelo examinador, mas resolveu denunciar o caso ao Detran de Lençóis Paulista. Ainda segundo relato da vítima, a negociação para o pagamento da 'propina' teria sido intermediado pelo instrutor do candidato. O delegado titular Luiz Cláudio Massa confirmou que instaurou inquérito para apurar o caso e a polícia vai investigar se outros candidatos à Carteira Nacional de Habilitação (CNH) foram aprovados mediante pagamento de 'propina'. 
Massa pediu que outras pessoas que tenham sido achacadas procurem a Delegacia de Polícia, que poderão integrar o inquérito de corrupção passiva instaurado pela Polícia Civil no início desta semana. O delegado admite que pode ter dificuldade em identificar outras vítimas que pagaram, já que elas também podem ser denunciadas por corrupção ativa.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia