Publicidade
Publicidade
Publicidade
Capela Santana e São Joaquim é elevada a Paróquia
Desmembrada da Paróquia Cristo Ressuscitado, nova igreja abrigará as capelas Santa Terezinha e N. S. do Rosário
Capela Santana e São Joaquim é elevada a Paróquia
AUTONOMIA – A capela passará a ter novas atividades e, por isso, será preparada atuar com vida própria - (Foto: Everton Carpanezi)
A Capela Santana e São Joaquim, localizada no Jardim Santana e até hoje vinculada à Paróquia Cristo Ressuscitado, da Cecap, ganhará autonomia e será promovida a paróquia, sendo a ela vinculadas as Capelas Santa Terezinha do Menino Jesus (do bairro Monte Azul) e Nossa Senhora do Rosário, localizada no Jardim do Caju I. Decreto episcopal nesse sentido já foi emitido pelo arcebispo metropolitano de Botucatu, d. Mauricio Grotto de Camargo. A partir do decreto, a antiga capela ganha o status de pró-paróquia, e passa a ter um administrador, o padre William Cesar Nunes, que já trabalha juntamente com o padre Silvano Palmeira, para a constituição da estrutura paroquial. 
Segundo o padre Silvano, a preparação para o funcionamento da nova paróquia deve se estender por aproximadamente seis meses, com a implantação de casa paróquia, secretaria e outras dependências que possam abrigar os novos serviços dedicados à comunidade católica daquela parte da cidade. As capelas são pontos importantes de reunião dos fiéis, mas realizam apenas as missas e as festas relativas aos padroeiros de suas comunidades. Já as paróquias, além das missas, também oficiam batizados, casamentos e desenvolvem atividades comunitárias.
O padre Silvano, que continuará à frente da Paroquia Cristo Ressuscitado, disse a O ECO que a região onde se encontra a capela Santana e São Joaquim teve grande desenvolvimento durante os últimos anos e isso justificou a providência da Arquidiocese para ampliar os ofícios religiosos na área, inclusive com a presença de um padre para atuar exclusivamente naqueles bairros.
 
Festa de Santo Expedito começa amanhã
Tem inicio amanhã, domingo, com inicio previsto para as 11h30, no salão de festas da Paróquia Cristo Ressuscitado, 10ª Festa em Louvor a Santo Expedito, que se prolongará até o próximo dia 19. A programação começa com o almoço da comunidade, cuja adesão é de R$ 35,00 e já vem sendo feita com membros da comunidade autorizados e também estará disponível no local. O cardápio é composto por churrasco, arroz, farofa, vinagrete, pão e mandioca frita.
A parte religiosa começa próximo sábado, dia 16, às 18h00, com a missa na capela sob a devoção “Santo Espedito ajude a juventude a viver sua fé”. Participarão os fiéis da Capela Santa Terezinha. No domingo, dia 17, haverão missas às 7h30 e 18h00, com a participação das capelas Santana e São Joaquim e Nossa Senhora do Rosário, e o tema “Santo expedito modelo de segurança”. 
Na segunda-feira, dia 18, às 19h20, a missa terá a presença da comunidade da Paróquia Cristo Ressuscitado, com a invocação “Santo Expedito modelo de fé e prontidão ao chamado de Deus”. E no dia 19, terça-feira, último dia da festa, missa às 7h30, exposição ao Santíssimo Sacramento o dia todo. A programação termina com missa festiva, às 19h30. 
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia