Prefeitura e PM mudam esquema de trânsito da Facilpa
Reunião entre Prado de Lima, Tipó, Polícia Militar e Demutran definiu as mudanças
Prefeitura e PM mudam esquema de trânsito da Facilpa
REUNIÃO - Encontro definiu novo esquema de interdição das vias durante a realização da Facilpa (Foto: Wagner Gonçalves/Divulgação)
O esquema para a interdição das vias durante a realização da Facilpa (Feira Agropecuária, Comercial e Industrial de Lençóis Paulista), que neste ano acontece entre os dias 26 de abril e 5 de maio, vai sofrer alterações para garantir a mobilidade urbana, a segurança dos visitantes e a comodidade dos moradores que residem no entorno do Recinto de Exposições José Oliveira Prado. O planejamento das ações foi concluído nesta semana, durante encontro entre o prefeito Anderson Prado de Lima (PSB), o vereador Ailton Aparecido Tipó Laurindo (PHS), o tenente da 5ª Cia. da Polícia Militar, Rodrigo José Franco, e o coordenador do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), Luiz Mariano. Depois desta reunião, ficou decidido que neste ano não serão usadas barreiras fixas e que as interdições serão realizadas nos momentos de maior necessidade. Essa avaliação será feita em conjunto pela Polícia Militar e o Demutran, que neste ano vai atuar durante toda a festa para colocar ou retirar os dispositivos de interdição quando não forem necessários.
“A mudança no trânsito no entorno do Recinto de Exposições José Oliveira Prado no período da Facilpa é uma reclamação antiga dos moradores de bairros como Jardim Village, Itamaraty, Jardim Europa entre outros que, no período da festa, tinham dificuldade para chegar as suas residências. No ano passado, diante de reclamações nas redes sociais eu tinha me comprometido a avaliar melhor essa questão para esse ano e é isso que fizemos nesta semana. Em conversa com a PM, o Demutran e o vereador Tipó, que também recebeu muitas reclamações, resolvemos promover algumas alterações. No entanto, quero deixar claro que a prioridade continua sendo garantir a segurança, tanto de quem frequenta a Facilpa como também dos condutores que passam pelo local. Por isso, em alguns dias, algumas ruas terão que continuar interditadas. Mas pensando em conjunto entendemos que era possível promover algumas mudanças”, declarou o prefeito.
As mudanças, que atendem reivindicações dos moradores no entorno do Recinto de Exposições, serão implementadas durante a realização da Feira, a partir da próxima sexta-feira (26). Neste ano, os obstáculos - aqueles tubos de concreto - que normalmente eram fixos e permaneciam durante todo o período da Feira, serão substituídos por tubos menores e de fácil remoção e placas metálicas de interdição.
Ficou decidido que na Avenida Lázaro Brígido Dutra, no trecho entre Rua Olavo Bilac e a Rua Coronel Joaquim Anselmo Martins, que fica bem em frente ao recinto, nos dias 29 e 30 de abril e 2 de maio, o local será fechado apenas a partir das 18h e no dia 26 de abril, a interdição vai ocorrer depois das 14h. Nos finais de semana, dias 27 e 28, no feriado de 1º de maio e nos dias 3, 4 e 5 o trecho ficará fechado por orientação da Polícia Militar. “Essa é uma reivindicação que há muito tempo eu recebo na Câmara dos moradores daquela região. O fato de estar mantendo o local aberto durante o dia nos dias úteis, não coloca em risco a segurança das pessoas. Nos finais de semana e também no dia primeiro de maio, por serem dias de maior fluxo de pessoas inclusive durante o dia, pais e mães que aproveitam esses dias para levar os filhos na Feira, a Polícia Militar, por uma questão de segurança, pediu para manter esse trecho fechado”, completou o vereador Ailton Tipó Laurindo. “Vamos torcer para que essa seja uma experiência boa, uma experiência positiva, para que ela possa ser repetida e aperfeiçoada no ano que vem”, completou o vereador.
Outra medida importante, e também uma antiga reclamação dos moradores daquele bairro, é que não haverá colocação de obstáculos no acesso ao Jardim Village. Neste caso, apenas o trecho final das Ruas Roberto da Costa Orlandini, Wilson Trecenti, Américo Brandi, Antonio Zillo e Guido com a Presbítero Moacir da Silva terão obstáculos móveis, ou seja, cancelas, que facilitam o fluxo de veículos.
Durante o encontro, foi definido também a instalação de um ponto de apoio com a permanência da Polícia Militar e funcionários do Demutran defronte ao obstáculo que será instalado na Rua Coronel Joaquim Anselmo Martins, no trecho entre as Ruas General Osório e Osvaldo Cruz. Nesta via (Coronel Joaquim A. Martins), os obstáculos serão móveis de acordo com o fluxo de veículos registrado diariamente.
As alterações também contemplam a mudança do sentido das vias durante a Feira. Todas essas medidas buscam um equilíbrio entre o fluxo de veículos, a permanência e circulação dos visitantes e o acesso dos moradores que residem nos bairros no entorno do Recinto de Exposições José Oliveira Prado. Outra novidade é que os pontos de ônibus serão instalados em três locais: Ruas Ignácio Anselmo, Avenida Marino de Santis e Coronel Joaquim Anselmo Martins.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2019 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia