Publicidade
Publicidade
Publicidade
Agentes vistoriam imóveis vazios para eliminar o Aedes
Depois de passar pelas casas dos moradores, agentes de saúde vistoriam imóveis fechados
A equipe de agentes de saúde destacada para o trabalho de controle de vetores em Macatuba visitou neste mês imóveis vazios no município, fiscalizando e eliminando potenciais criadouros para o mosquito Aedes aegypti. A ação foi concentrada nos dias 19 e 20 de abril pelos agentes de saúde e pelo IEC (Informação, Educação e Comunicação), em parceria com as imobiliárias locais.
A Imobiliária Vanni, por exemplo, cedeu as chaves de 55 imóveis disponíveis para venda e locação. Em cada imóvel comercial ou residencial, os agentes averiguaram possíveis criadouros e adotaram medidas de prevenção ao mosquito, como o tratamento de ralos e vasos sanitários com larvicida e remoção de recipientes com ou sem acúmulo de água.
As imobiliárias locais foram orientadas verificar regularmente os imóveis sob sua responsabilidade e a colaborar nas ações de combate à dengue, zika, chikungunya e outras doenças causadas pela proliferação do mosquito Aedes aegypti. Outra ação da equipe de controle de vetores tem sido identificar o proprietário dos imóveis vazios e notificá-lo para que também realizar a vistoria periodicamente.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia