Publicidade
Publicidade
Publicidade
Catadoras de recicláveis fazem ato por melhores condições
Apoiado por cooperativas outras cidades, grupo seguiu do Parque do Paradão até a Prefeitura Municipal
Catadoras de recicláveis fazem ato por melhores condições
ATO - Ao lado da Prefeitura Municipal grupo reivindicou reunião com a prefeita Bel, que estava em São Paulo (Foto: Elton Laud)
Na tarde desta quarta-feira (4) cooperadas da Cooprelp (Cooperativa de Reciclagem de Lençóis Paulista), ao lado de integrantes de cooperativas de reciclagem de cidades da região e de outras partes do estado de São Paulo, realizaram uma manifestação reivindicando melhores condições de trabalho.
Acompanhados por um carro de som e com cartazes e faixas enaltecendo o trabalho realizado pelas catadoras e exigindo apoio do poder público, o grupo de cerca de 100 pessoas, partiu do parque do Paradão, por volta das 13h30, e seguiu pela Rua 15 de Novembro e ruas do Centro da cidade até chegar à Prefeitura Municipal, onde os manifestantes  reivindicaram uma reunião com a prefeita Bel Lorenzetti.
Também participaram da manifestação algumas pessoas da Amape (Associação do Moradores Atingidos Pela Enchente), que na última sexta-feira, durante o Desfile Cívico dos 158 anos de Lençóis, apoiada pela Cooprelp, havia feito uma manifestação da Avenida Padre Salústio Rodrigues Machado.
Como a prefeita se encontrava na cidade de São Paulo participando de uma reunião ordinária do Conselho Estadual de Recursos Hídricos, que foi realizada no Palácio do Governo, os manifestantes foram recebidos no gabinete pela diretora Administrativa, Silvia Maria Gasparotto, pelo diretor de Agricultura e Meio Ambiente, Benedito Luiz Martins, e pelo diretor de Planejamento e Urbanismo, Luiz Eduardo Conti.
O ECO teve autorização apenas para registrar  o início da reunião. A reportagem completa você acompanha na edição impressa de sábado (7).
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia