Prefeitura cria central para atendimento social
Cestas básicas serão doadas aos cidadãos com dificuldades financeiras, especialmente devido à crise do coronavírus
Prefeitura cria central para atendimento social
BOTUCATU - Prefeitura irá doar cestas básicas para quem está com dificuldades financeiras, principalmente devido à atual crise (Foto: Ilustração)

A Prefeitura de Botucatu criou uma central de atendimento para dar suporte a população que busca por auxílio social. Através do número (14) 3811-3667, cidadãos que enfrentam dificuldades financeiras, especialmente em decorrência da crise econômica causada pelo coronavírus, poderão solicitar e agendar a retirada de uma cesta básica a partir da manhã de hoje.

“Estamos aumentando de 8 para 28 atendentes que receberão as ligações, triplicando a capacidade de recebimento de ligações e agendamentos. Além disso, de maneira emergencial, dobraremos de 180 para 360 agendas diárias para retirada das cestas básicas implementadas com mais itens, como frutas, legumes e ovos”, afirmou o Prefeito Mario Pardini.

Todas as pessoas interessadas passarão por uma entrevista técnico-social, realizada pela equipe da Assistência também por telefone, que comprovará a real necessidade.

“Tivemos dificuldades em atender a grande demanda nos últimos dias, mas todos agora podem ter certeza de que nossa equipe de assistentes sociais atenderá com muito carinho aqueles que mais necessitam. Contamos com a sensibilidade da população neste momento”, finaliza Silvia Fumes, Secretária Municipal de Assistência Social.

comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2020 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia