Publicidade
Publicidade
Publicidade
Morre jovem de Macatuba espancado em Lençóis
Depois de ser agredido, vítima foi atropelada por uma motocicleta; dependência química pode estar relacionada ao crime
Morre jovem de Macatuba espancado em Lençóis
CRIME - Polícia Civil vai investigar morte de jovem agredido em Lençóis Paulista
Mateus Rodrigues Capellanes, 20 anos, morreu nesta terça-feira (10). Ele estava internado no Hospital de Base de Bauru, desde 7 de março, depois de ser violentamente agredido por um grupo de pessoas em Lençóis Paulista, em um ponto de concentração de jovens, no prolongamento da avenida Jácomo Nicolau Paccola, próximo a algumas 
A Polícia Civil de Lençóis Paulista instaurou inquérito para investigar a agressão, seguida de atropelamento. O jovem estava internado há pouco mais de dois meses internado para tentar se recuperar das lesões, ele não resistiu e foi a óbito na última terça-feira.
A agressão ocorreu na madrugada de 6 de março, por volta das 4h, na avenida Prefeito Jácomo Nicolau Paccola, Jardim das Nações. Capellanes, residente em Macatuba, foi violentamente espancado por grupo de pessoas com socos e chutes. Na sequência, já caído ao chão, ele foi atropelado propositalmente por uma motocicleta.
O jovem foi socorrido em estado grave e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Lençóis Paulista. Na sequência foi transferido para o Hospital de Base (HB) de Bauru, onde morreu na tarde da última terça-feira 10 de maio. 
Segundo informações, o jovem era dependente químico desde os 13 anos e que sua dependência pode ter relação com as agressões. O jovem também era suspeito de ter subtraído uma arma da base da Polícia Militar de Macatuba. O corpo de Mateus foi sepultado na manhã de quarta-feira, no Cemitério de Macatuba. A polícia de Lençóis Paulista trabalha para identificar os agressores.
 
Outra agressão
No início desta semana, a polícia registrou outro caso de agressão em Lençóis Paulista. Um jovem de 23 anos ficou desaparecido cerca de 24 horas antes de ter sido localizado na região da Vila da Prata amarrado a uma árvore, depois de ter sido agredido por dois estranhos.
De acordo com informações obtidas junto ao Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil, ele pode ter sido agredido por engano, de acordo com relato da vítima aos policiais.
Ele contou que foi abordado no Jardim Monte Azul por um Fiat Palio vermelho com dois indivíduos e obrigado a entrar do veículo. Ele foi levado até a Vila da Prata, onde foi amarrado em uma árvore. Foi encontrado por uma menina que acionou a polícia.
 
Tentativa de roubo
Um homem foi preso nesta quinta-feira em Lençóis Paulista depois de tentar assaltar um estabelecimento comercial no Centro da cidade. Ele chegou ao comércio anunciou o roubo e fez menção de estar armado.
Funcionários e clientes perceberam, dominaram o indivíduo e acionaram a Polícia Militar, que o encaminhou à Delegacia, onde o delegado de plantão ratificou o flagrante por tentativa de roubo. Segundo informação da polícia, o indivíduo havia desembarcado na cidade por volta das 13 horas do dia em que foi preso.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia