Publicidade
Publicidade
Publicidade
Homem reclama que sepultura de esposa foi deixada aberta
Segundo ele, mulher foi enterrada na segunda, mas até na quarta terra não havia sido colocada
Homem reclama que sepultura de esposa foi deixada aberta
INDIGNADO – Reinaldo dos Santos ao lado de sepultura de mulher que foi enterrada na segunda-feira - (Foto: Elton Laud/O ECO)
O lençoense Reinaldo dos Santos procurou o jornal O ECO na quarta-feira (1º de junho) para reclamar que o túmulo de sua esposa, que morreu no domingo e foi enterrada na segunda-feira, continuava aberta até naquele dia. A reportagem esteve no local e constatou foi coloca um pouco de terra no buraco, mas ele ainda não estava totalmente fechado.
“No dia do enterro estava chovendo e eles disseram que não dava para fechar o buraco. Mas ontem (terça-feira) não choveu e dava para ter fechado isso já. Agora essa madrugada choveu bastante e o cachão dele deve estar alagado. Eu acho isso um descaso”, diz. “Porque não colocaram uma lona para evitar isso”, completou.
De acordo com o diretor de Meio Ambiente, Dito Martins, todos os procedimentos foram seguidos pelos servidores do cemitério. “É evidente que a terra ajuda a fechar o lugar, mas o caixão fica dentro de uma gaveta de concreto e é isso que realmente fecha o túmulo. Eu entendo que esse é um momento difícil para a família, mas esse é um problema que temos pela característica de nosso cemitério. A chuva realmente dificulta”, declarou.
Martins disse ainda que eles já tentaram usar uma espécie de cabana, mas que ela protege somente na hora do enterro. “Nós já tentamos implementar uma proteção, principalmente na hora do enterro, mas não deu muito certo.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia